Alimentos Ricos em Proteína Animal e Proteína Vegetal


Comer alimentos ricos em proteína é a melhor alternativa quando você está tentando ganhar massa muscular ou mesmo quando está tentando perder peso. A proteína é o bloco de construção do músculo, e quanto mais massa muscular uma pessoa tem, mais fácil é para queimar gordura.

Outra maneira de consumir proteína é através de suplementos. No entanto, o mais recomendado e saudável é escolher as fontes naturais, pois elas possuem outros nutrientes importantes para a manutenção de um corpo saudável.

A seguir, uma lista de alimentos ricos em proteínas animal que irá ajudar na sua luta para ganhar massa muscular magra. Para os vegetarianos, temos também os alimentos com mais concentração de proteína vegetal.

6 Alimentos ricos em proteína animal

Os alimentos que mais possuem proteína na sua composição são os de origem animal. Veja a nossa lista com os campeões.

Frango

frango

Um peito de frango, de aproximadamente 100 gramas, contém cerca de 30 gramas de proteína. É um dos alimentos com maior quantidade de proteína magra. Por isso é tão comum vê-lo nas refeições de quem está seguindo alguma dieta para perder peso ou ganhar massa muscular.

O frango é também um alimento muito versátil, com o qual você pode criar muitos pratos. Consumi-lo grelhado ou cozido é o mais indicado. Evite ao máximo fazê-lo frito.

Carne

carnes

As carnes, tanto a vermelha quanto a de porco, têm grandes quantidades de proteína. Um bife de 100 gramas contém cerca de 26 gramas deste macronutriente. A desvantagem é que a carne vermelha também é rica em gordura saturada e o consumo em excesso pode trazer malefícios para a saúde.

Por isso, prefira sempre os cortes mais magros e intercale o consumo com outras fontes mais saudáveis de proteína.

Peixe

peixes

Além de possuir muita proteína, o peixe é rico em ácidos graxos e ômega 3 que, dentre outras coisas, melhora o funcionamento do sistema neurológico e acelera o emagrecimento. Os mais ricos em proteína são: atum, salmão, tilápia e sardinha com 29,26, e 21g respectivamente.

Ovos

ovos

O ovo é considerado o segundo alimento mais completo do mundo, perdendo apenas para o leite materno. Um único ovo tem cerca de 6 gramas de proteína. Um pouco mais da metade está concentrada na clara. No entanto, a gema possui outros nutrientes.

Por isso, consuma o ovo inteiro e não só a clara. Já foi comprovado que a história que contam sobre a relação da gema do ovo com o aumento do colesterol é puro mito.

Camarão

camaroes

Em 100g de camarão você consome até 24 de proteína. É um alimento muito saboroso. No entanto, o seu consumo deve ser reduzido, pois possui colesterol alto. Duas vezes por semana é suficiente.

Leite e derivados

leite

Além de rico em cálcio, o leite e seus derivados são ótimas fontes de proteína. Um copo com 100 ml de leite possui por volta de 3,5 g deste nutriente. É um valor baixo se comparado a outros alimentos, porém o leite é de fácil acesso e mais consumido ao longo do dia. Logo, a ingestão de proteínas aumenta bastante.

Os derivados de destaque no quesito proteína são o queijo e o iogurte. 50 g de queijo minas frescal oferece 8 g de proteína. O queijo cottage tem 5 g de proteína nos mesmos 50 g, mas é menos calórico e tem mais nutrientes, assim como a ricota.

Já o iogurte possui 4,5 g de proteína a cada 100 ml. Na hora de escolher o queijo, leite e iogurte, prefira os menos calóricos, ou seja, aqueles com menos gordura e pouco sal.

11 Alimentos ricos em proteína vegetal

Se você não come carne, pode imaginar que as opções de proteína são limitadas. No entanto, existem ótimas opções disponíveis para vegetarianos. Veja uma lista com os alimentos mais ricos em proteína vegetal.  (Valores para cada 100 g)

tofú

O tofú é um dos alimentos ricos em proteína vegetal

  • Tofu – 8,5 g
  • Mussarela de Búfala – 20 g
  • Soja – 48 g
  • Leite de soja – 3,3 g
  • Ervilhas – 6 g
  • Lentilhas – 9 g
  • Arroz integral
  • Quinoa – 12 g
  • Feijão – 6,6 g
  • Sementes de linhaça, chia, abóbora e girassol – 22 g (linhaça), 20 g (chia), 30 g (abóbora), 21g (girassol).
  • Oleaginosas como castanhas, amêndoas e nozes – 16 g em média.
feijão

O feijão tem bastante proteína vegetal e é encontrado com facilidade em qualquer supermercado

 

Mas, atenção, as sementes e oleaginosas não devem ser consumidas em grandes quantidades, de uma só vez, mas com freqüência dentro de uma dieta equilibrada. Apesar de ricas em proteína, também são calóricas e fonte de gordura.

A importância dos alimentos ricos em proteína na dieta

A proteína é muito importante na dieta, mas certifique-se de não deixar faltar os carboidratos e algumas gorduras saudáveis ​​também. Manter uma dieta equilibrada, com diversos tipos de alimentos faz bem ao seu corpo e à sua saúde, principalmente.

Uma maneira de controlar os níveis de proteína na dieta é usar aplicativos que fazem esta contagem automática a medida que você o alimenta com as suas refeições. Lembre-se de manter um corpo bonito, mas, além de tudo, saudável que é mais importante.


Escreva um Comentário